Fechadura velha e barata

No comments

Como é que é mesmo? Porta arrombada, fechadura nova? Acho que é assim o ditado. Deve ser assim o ditado em qualquer parte do mundo. Menos aqui, no Brasil.
O vôo JJ 3054 que partiu aqui de Porto Alegre ontem (17/7) e vitimou centenas de pessoas ao se acidentar em Congonhas, em São Paulo, não vai mudar nada da crise aérea que atinge o país.
Servirá de tema para discursos de políticos nos palanques, de cases de recuperação da imagem da companhia aérea, de acusações entre autoridades.
Mas pouco será feito para prevenir que outra tragédia como essa aconteça em breve.
Isso porque no fundo não é a segurança do tráfego aéreo que conta na cabeça daqueles que detêm o poder de decisão. Na cabeça desses senhores de terno cinzento e feiçőes amenas o que conta é a assenção política ou econômica. E eles não estã errados nesse raciocínio. Nossa sociedade dita esses modelos e padrőes de vida. O que conta no dia-a-dia é o bem e a felicidade do outro ou é a competição, a ganância, o individualismo?
Nossos senhores lá de cima fazem, portanto, justiça com a sociedade e consigo mesmos.

Juliano RigattiFechadura velha e barata

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *